quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Aécio Neves, de volta ao jogo, por Merval Pereira


A campanha do candidato do PSDB, Aécio Neves, vive momento de euforia contida, “muito pé no chão, muito focada”, na definição de um assessor próximo ao candidato.
De volta ao jogo, com planos de atacar a candidata do PSB para recuperar o lugar no segundo turno, a avaliação é que, quando começou o fenômeno Marina, houve uma demora de duas semanas para ele parar de cair, que era a primeira providência para reverter o quadro.
Esse intervalo deu margem a diversos boatos, todos indicando que Aécio poderia até desistir de concorrer.
Em seguida, era preciso diminuir a diferença para Marina, o que aconteceu agora, segundo a pesquisa Ibope divulgada na terça-feira.
Na definição de um assessor, “o que a gente apostava que ia acontecer está acontecendo: diziam que íamos virar nanicos, e paramos de cair; diziam que estávamos estagnados, e apostávamos que voltaríamos a crescer”.
Mais importante até do que os 4 pontos ganhos, na visão da campanha, é redução da distância que o separa da candidata do PSB. Duas semanas atrás, Aécio estava 18 pontos atrás da Marina, agora está 11, sem dúvida uma mudança de patamar.
Agora, todo o esforço será para continuar a reduzir essa diferença, com o objetivo de na próxima semana estar 7 ou 8 pontos atrás dela, na direção do empate técnico.

Leia a íntegra em Aécio Neves, de volta ao jogo

Aécio Neve - Foto: Marcos Alves / Agência O Globo

Nenhum comentário:

Postar um comentário