Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2010

UM ARTIGO ESCLARECEDOR: SOBRE A POLÊMICA DA LIBERDADE DE IMPRENSA X LULA

Eis artigo do téologo Leonardo Boff sobre a polêmica envolvendo Lula e a grande imprensa nestes tempos de campanha eleitoral. Confira:


"Sou profundamente pela liberdade de expressão em nome da qual fui punido com o “silêncio obsequioso” pelas autoridades do Vaticano. Sob risco de ser preso e torturado, ajudei a editora Vozes a publicar corajosamente o “Brasil Nunca Mais” onde se denunciavam as torturas, usando exclusivamente fontes militares, o que acelerou a queda do regime autoritário. Esta história de vida, me avaliza fazer as críticas que ora faço ao atual enfrentamento entre o Presidente Lula e a midia comercial que reclama ser tolhida em sua liberdade. O que está ocorrendo já não é um enfrentamento de idéias e de interpretações e o uso legítimo da liberdade da imprensa. Está havendo um abuso da liberdade de imprensa que, na previsão de uma derrota eleitoral, decidiu mover uma guerra acirrada contra o Presidente Lula e a candidata Dilma Rousseff. Nessa guerra vale tudo: o factó…

EFEITO CASA CIVIL: Datafolha: Dilma, 49%; Serra, 28%; e Marina, 13%

“Nova pesquisa presidencial Datafolha divulgada nesta quarta mostra que a diferença entre a candidata do PT, Dilma Rousseff, para os demais adversários somados caiu cinco pontos percentuais (de 12 para 7 pontos) com relação ao levantamento anterior, realizado nos dias 13, 14 e 15. A petista agora aparece com 49% (tinha 51% há uma semana), contra 42% de todos os outros postulantes (que apareciam com 39%). José Serra (PSDB) está em segundo, com 28% (tinha 27% na semana passada), enquanto Marina Silva oscilou positivamente dois pontos percentuais e passou de 11% para 13%. É o primeiro levantamento do instituto após as revelações de tráfico de influência e a consequente crise que culminou com a demissão da sucessora de Dilma na Casa Civil, Erenice Guerra –52% dos entrevistados disseram ter tomado conhecimento do caso, mas apenas 13% julgam-se bem informados sobre o episódio. Brancos e nulos somam 3% na nova pesquisa (ante 4% da semana passada), enquanto 5% dos eleitores entrevistados se decl…

Empresário citado em reportagem da Veja nega ter dado entrevista e ter feito acusações contra Cid e Ciro

Do Blog Eliomar de Lima:
Publicado: 23-09-2010
Autor: Eliomar de Lima
Categoria(s): Ceará, Eleições 2010

“Personagem central num suposto esquema de desvio de verbas públicas denunciado nesta semana pela revista Veja, o empresário Raimundo Morais Filho afirmou, em nota de esclarecimento enviada ontem à imprensa, que “não redigiu minucioso relato sobre crimes para negociar um acordo de delação premiada com o Ministério Público”, como diz a publicação. Segundo a reportagem, Morais Filho seria responsável por receber – entre 2003 e 2009 – recursos de licitações direcionadas por prefeituras cearenses para as suas 17 empresas. O empresário, por sua vez, garante possuir apenas uma empresa. Ao todo, de acordo com a Veja, teriam sido desviados R$ 300 milhões, vindos do Ministério da Integração Nacional, na época em que o Ciro Gomes (PSB) comandava a pasta, e posteriormente do Governo do Estado, quando Cid Gomes (PSB) já era governador. Do valor de cada contrato, o empresário embolsaria 4%, e env…

DO BLOG SINCRONICIDADE: A IMPORTÂNCIA DA ORAÇÃO

Resolvi compartilhar com vocês, com a devida vênia do autor, o texto tirado do blog SINCRONICIDADE do conterrêneo e amigo Vasconcelos Arruda. Ei-lo:

"Vivemos em uma época em que a capacidade de decidir por si mesmo torna-se cada vez mais difícil. A todo momento somos bombardeados por uma miríade de informações vindas de todos os lados, que entram, ou melhor, invadem nossa vida, quer o permitamos ou não. A tão apregoada sociedade midiática é isso: uma barafunda de apelos que nos invadem especialmente através dos olhos e ouvidos sem que disso nos demos conta. Mas há algo mais grave. Os apelos disfarçados de informação entram e se alojam em nós de forma sub-reptícia, subliminar, e é aí que mora o perigo. Inconscientemente nos deixamos conduzir, e, de repente, nos vemos agindo de forma estranha até a nós mesmos, uma vez que agimos impelidos por motivações que não estão em consonância com a nossa verdadeira natureza, com os nossos mais autênticos ideais. Disso sobrevém o estranhamento.…