quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Cid convoca reunião do PSB nesta quinta para definir novos rumos


O governador Cid Gomes, presidente da Executiva estadual do PSB no Ceará, convocou os representantes da legenda para reunião que vai definir a saída do grupo liderado por ele do partido. Ao dar adeus ao PSB, o caminho mais certo para o grupo é o novíssimo Partido Republicano da Ordem Social (PROS).

Hora e local
O encontro está marcado para esta quinta-feira (27), a partir das 19 horas, no Vila Galé da Praia do Futuro.

Baixa
A saída de Cid Gomes deve provocar uma baixa no PSB de, pelo menos, 40 prefeitos, mais de 200 vereadores, 10 deputados estaduais e quatro deputados federais.

Garantias
Na quarta-feira (25), o deputado Zezinho Albuquerque e o prefeito Roberto Cláudio estiveram em Brasília para acompanhar a reunião da Executiva Nacional do PSB. No encontro, os aliados de Cid afirmaram que o governador do Ceará teria a intenção de permanecer na legenda desde que pudesse apoiar a reeleição da presidente Dilma Rousseff em 2014.

Os dois entregaram um pedido a Eduardo Campos solicitando que, caso deixem o partido, eles não sofram retaliação. Zezinho Albuquerque e RC se comprometeram a entregar a documentação do partido a Campos, no Recife, até a sexta-feira (27).

Campos x Gomes
Cid é presidente do PSB no Ceará, mas defende publicamente a reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT). A postura do cearense incomoda o governador de Pernambuco e presidente nacional do partido, Eduardo Campos, que trabalha para disputar a presidência da República em 2014.

Prazo
Para concorrer em 2014, os políticos devem mudar de sigla ou criar e migrar para novos partidos, até o dia 5 de outubro. Exatamente um ano antes da eleição do próximo ano. Na noite de terça-feira (24), o Tribunal Superior Eleitoral confirmou a criação de duas novas legendas: PROS e Solidariedade.

Fonte: Politika com K

Nenhum comentário:

Postar um comentário