terça-feira, 3 de julho de 2012

GOVERNO ABRE 1.641 VAGAS PARA O HOSPITAL REGIONAL SEDIADO EM SOBRAL

Governo do Estado, através da Secretaria da Saúde (Sesa), publicou edital com inscrições para 1.641 vagas para o Hospital Regional Norte (HRN). A partir desta terça-feira (03) até o dia 5 de agosto, os interessados devem realizar a inscrição no site do Instituto Cidades (www.institutocidades.org.br). Do total de vagas ofertadas para o Hospital Regional Norte, 697 são para nível superior. Só para médicos, o número de vagas está definido em 342. O processo de seleção será feito pelo Instituto de Saúde e Gestão Hospitalar (ISGH), o mesmo que realizou a seleção dos 994 profissionais do Hospital Regional do Cariri (HRC), que já estão atendendo a população da macrorregião do Cariri desde abril de 2011.
 Localizado no município de Sobral, a unidade de saúde vai atender a população de 1,5 milhão de habitantes dos 55 municípios que compõe a macrorregião Norte do Ceará. Com 57 mil metros quadrados de área construída, o equipamento está com 90% das obras prontas e deve ser inaugurado até setembro deste ano.
 Na estrutura de assistência, o HRN tem 382 leitos. Desse total, 199 exclusivamente para internação. Só na torre de internação são cinco andares, cada um com 28 leitos de internação e mais um de isolamento. O número de leitos de UTI que a população passará a ter com o novo Hospital chega a 70, além dos 30 leitos semi-intensivos da Unidade de Pediatria.
 Mais de R$ 229 milhões
 No HRN, que será o maior do Interior da região Nordeste, com capacidade de realizar 60 cirurgias por dia e até 1.300 internações por mês, foram investidos R$ 229.082.947,73. Desse total, R$ 169.653.512,73 em obras e R$ 59.435,00 na aquisição de equipamentos. Destaque para o aparelho de ressonância magnética. Com esse equipamento, mais uma região, além do Cariri, no Hospital Regional do Cariri, passa a ter acesso ao exame de ressonância na região onde mora. Antes dos novos hospitais regionais construídos pelo Governo do Estado, há pouco mais de um ano, a ressonância magnética, na rede pública, era feita apenas em hospitais da Capital e no Hospital Geral de Fortaleza (HGF).]

2 comentários:

  1. Instituto Cidades ? É o novo... Esquema !

    ResponderExcluir
  2. Instituto Cidades... nunca mais !

    ResponderExcluir