sexta-feira, 2 de março de 2012

SUCESSÃO EM SOBRAL: OMAN CARNEIRO A CAMINHO DA PAZ...

"A informação de que o suplente de deputado federal Oman Carneiro teria desistido de postular a cadeira de prefeito de Sobral nas eleições de outubro próximo continua sendo o principal assunto das rodas politicas da cidade.
Até agora não entendi o porquê das pessoas estarem estranhando. Oman não voltou ao “ninho dos FG’s”, na verdade ele nunca saiu. Apenas andava chateado, uma vez que, detentor da preferência de 23 mil dos sobralenses nas eleições de 2010, e de possuir um vereador em função estratégica na Câmara Municipal, no caso Paulo Vasconcelos, primeiro secretário da casa, não vinha sendo ouvido pelo Paço Municipal, nem tão pouco vendo as reinvindicações de seus eleitores e partidários, serem atendidas pelo executivo municipal. Nada que uma boa conversa não fosse capaz de resolver.
O MEDIADOR
Uma figura foi fundamental para que houvesse esse entendimento e a reaproximação de Oman com Veveu, e com os irmãos, Ciro, Cid e Ivo Gomes, o ministro Leônidas Cristino. Articulador habilidoso, o ex-prefeito sempre manteve a serenidade diante dos fatos, e as conversas com Oman eram frequentes. No momento certo, Leônidas intermediou a conversa entre o governador Cid e Oman, na segunda-feira de carnaval, na Serra da Meruoca, e noticiada em primeira mão aqui no Blog Sobral em Revista.
UMA LEITURA DAS IMAGENS ACIMA
No último final de semana, com a situação já harmonizada, Oman acompanhou Cid Gomes, Leônidas Cristino, Ciro Gomes e Veveu Arruda durante uma série de inaugurações nos municípios de Alcântaras e Coreaú. Após as solenidades e do jantar oferecido pelos irmãos Cristino em sua fazenda Rutlândia, o grupo, com exceção de Leônidas, subiu a Serra novamente indo para a residência do governador, onde o papo rolou até por volta das três da manhã. Ali, o grupo ganhou a companhia do secretário da Saúde e Ação Social, Carlos Hilton Soares. Mas nada de política na conversa, apenas papo de amigos."
(Blog Sobral em Revista)

Um comentário:

  1. Enquanto isso, em Massapê, continua com a sua oposição esfacelada, a ponto de um deteminado blogueiro alcunhar a briga dos albuquerques de maldição do criador e criatura. É penta amigos.

    ResponderExcluir