segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Rendimento mensal do trabalhador cearense é o menor do Brasil, aponta IBGE


O rendimento mensal real dos trabalhadores no Ceará é de R$ 1.019, menor média do Brasil, conforme dados levantados no ano de 2013 pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgada nesta quinta-feira (18).

Em primeiro lugar, está o Distrito Federal, com rendimento de R$ 3.114,00, e em seguida vem São Paulo, onde a média de rendimento dos trabalhadores é de R$ 2.083,00. O rendimento médio mensal real é referente a todos os trabalhos das pessoas de 15 anos ou mais ocupadas no ano de 2013. Junto com o Ceará, com as piores médias de rendimento mensal real estão os estados do Piauí, com R$ 1.037,00, e Alagoas, com R$ 1.052,00.

Segundo o IBGE, a maioria das Unidades da Federação apresentou acréscimo nos rendimentos de todos os trabalhos de 2012 para 2013, com destaque para as variações percentuais de 12,8% no Amazonas (de R$ 1.290,00 para R$ 1 455,00); de 11,4% no Rio Grande do Sul (de R$ 1.647,00 para R$ 1 835,00); e de 10,3% na Bahia (de R$ 1 113,00 para R$ 1.228,00). Houve redução do rendimento médio mensal real de todos os trabalhos no Acre (de R$ 1.342,00 para R$ 1.302,00), Amapá (de R$ 1.632,00 para R$ 1 616,00) e Espírito Santo (de R$ 1 77,00 para R$ 1.557,00), que ainda assim ficaram na frente do rendimento do trabalhador cearense.

 Fonte: O POVO Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário