quinta-feira, 17 de julho de 2014

Levantamento aponta que Ceará tem a quarta campanha mais cara do País



A disputada campanha eleitoral cearense foi apontada, na edição de hoje (16) do jornal O Globo, como a 4ª mais cara do País, ficando atrás apenas de São Paulo (R$ 324,1 milhões), Rio de Janeiro (R$ 185,9 milhões) e Alagoas (R$ 142,5). O valor total chega a R$ 140,8 milhões.

Ainda segundo o Globo, o senador Eunício Oliveira (PMDB) e o deputado estadual Camilo Santana (PT) figuram entre as 10 campanhas para governador mais caras. O Peemedebista (6º) planeja gasto de R$ 67 milhões, enquanto o petista (8º), apoiado por Cid, prevê R$ 64 milhões.

Com esse valor investido na campanha, o voto cearense valeria R$ 22,45, sendo o 15º mais caro do Brasil. Em Roraima, onde os partidos devem investir R$27,1 milhões, cada eleitor custaria R$ 90,30, o mais caro nas eleições 2014.


O Ceará também figura na lista dos candidatos com declaração mais alta de patrimônio, com Eunício (R$ 99 milhões) e Tasso Jereissati (PSDB) (R$ 389 milhões), candidato ao Senado. Camilo declarou patrimônio de R$ 534 mil

Nenhum comentário:

Postar um comentário