segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Lula participará da campanha de todos os aliados nos Estados


O ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva já informou ao novo presidente estadual do PT, De Assis Diniz, empossado no último dia 06 de novembro, que assumiu a tarefa de definir a posição do PT nas eleições do ano que vem no Estado.
Ciente de sua importância como líder e rechaçando a ideia de rompimento da base de Dilma Rousseff no Ceará, Lula tomou para si a responsabilidade de manter a união do PT com o PROS e o PMDB no Estado.
Num encontro entre o ex-presidente da República e o novo presidente regional da legenda, De Assis ouviu calado quando Lula disse a ele: “quem entende de política nacional sou eu. Não é você. E o PT do Ceará não irá decidir o que o PT nacionalmente irá fazer nas eleições. Vocês ficarão aguardando enquanto eu defino com Dilma, Cid [Gomes, do Pros] e Eunício [Oliveira, do PMDB] o que faremos”.
Lula e Dilma convocarão os aliados para reuniões individuais a fim de acertarem um acordo que ponha em consenso os interesses dos três partidos. Caso não haja acordo e Cid opte pelo rompimento com Eunício, o líder petista já sabe como procederá.
Se o PROS lançar candidato e o peemedebista resolver disputar o Abolição, Lula adotará no Ceará a mesma regra que utilizará no Rio de Janeiro: subirá em todos os palanques dos candidatos que apoiarem a reeleição da presidente Dilma.
Fonte: Ceará News

Nenhum comentário:

Postar um comentário