quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Dilma pede calma a Eunício para manter aliança no Ceará

A semana da presidente Dilma Rousseff foi dedicada a discussões sobre os vetos presidenciais que estão para ser analisados na sessão do Congresso do próximo dia 17. Na segunda-feira (09), a presidente se reuniu com os líderes da base aliada na Câmara; ontem, foi a vez da articulação com os líderes do Senado.
Após reunião com senadores, a presidente dirigiu-se ao aliado Eunício Oliveira, líder do PMDB no Senado, e pediu-lhe que tivesse calma no trato com as eleições de 2014.
Na conversa particular, que teve como testemunha o presidente nacional do PR, Alfredo Nascimento, Dilma expôs seu desejo de manter a aliança PT-PSB-PMDB unida no Ceará. Para tanto, disse que Eunício precisa segurar o lançamento de sua candidatura ao Governo do Estado.
O senador já tem feito isso, tem sabido respeitar o tempo do governador Cid Gomes, que não cansa de dizer que toda sua atenção está voltada para seu governo e que só discutirá sucessão no próximo ano.
Eunício Oliveira pensa da mesma forma, confirma o desejo de ser governador, mas segue priorizando seu trabalho como senador.
A atuação no Senado e a cautela em relação ao pleito vindouro renderam ao peemedebista elogios de Dilma, que garantiu que Cid Gomes está ciente de sua lealdade.
A presidente falou, ainda, que irá conversar com o governador para buscar um consenso sobre o nome que será lançado como sucessor de Cid.
Fonte: Ceará News

Nenhum comentário:

Postar um comentário