sábado, 3 de setembro de 2011

PROFESSORES CEARENSES MANTERÃO A GREVE

“Após assembleia geral realizada na tarde desta sexta-feira, 2, os professores estaduais do Ceará decidiram manter a greve da categoria, iniciada desde o dia 5 de agosto.
A reunião aconteceu depois de audiência que o Sindicato Apeoc manteve com o chefe de gabinete do Palácio da Abolição, Ivo Gomes, na quinta-feira à noite. O encontro foi resultado de pressão da categoria junto à bancada governista, após manifestação na Assembleia Legislativa.
O chefe de gabinete do Governo, Ivo Gomes, informou sobre a decretação da ilegalidade do movimento, que essa questão é de Justiça e que não lhe caberia tratar, mas sinalizou para a renegociação, adiantando que acataria um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com aval do Ministério Público.
O presidente do Sindicato Apeoc, Anízo Melo, considerou a conversa boa com Ivo Gomes e disse que, de novidade, o governo estadual admitiu deslocar recursos de setores do governo para o orçamento da Educação, no que poderia atender às reivindicações salariais dos docentes. Entre as principais lutas, a implantação do piso salarial nacional.”
(O POVO Online)

Nenhum comentário:

Postar um comentário