segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Oitenta mil aprovados em concursos se beneficiarão com decisão do STF

Somente os Correios devem convocar até o final do mês cerca de 3.000 profissionais em todo o país.

Relatório da Associação Nacional de Proteção e Apoio aos Concursados (Anpac), revela que pelo menos 80 mil aprovados em concursos públicos, em todo o país, aguardam nomeação e vão se beneficiar da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que determinou que os governos são obrigados a chamar quem passa nas seleções dentro do número de vagas previsto em edital, informa o Correio Braziliense. Somente na esfera federal, 40 mil candidatos esperam convocação, informa a Anpac. Segundo a entidade, essas contratações vão custar caro para os cofres públicos. Ainda que, na hora de abrir os processos seletivos, União, estados e municípios tenham verba prevista no Orçamento, os gestores estão segurando os gastos para manter a disciplina fiscal e conseguir enfrentar os reflexos da crise financeira vivida nos Estados Unidos e na Europa.
"O STF está simplesmente falando para as autoridades que elas devem cumprir a palavra dada", afirmou Ernani Pimentel, presidente da Anpac. Entre os pesos pesados do setor público que deverão contratar nos próximos dias estão os Correios. A estatal promete convocar até o fim deste mês 3.116 profissionais, de um total de 9.190 aprovados nas provas aplicadas em maio. A promessa é de que, até outubro, todos estejam batendo o ponto.
*Com informações do Correio Braziliense.

Nenhum comentário:

Postar um comentário